Regionais
  /  
Espírito Santo

Suzano forma novos(as) Operadores(as) de Máquinas Florestais no Norte do ES

Publicado em 
26/12/2023
Formandos receberam os certificados das mãos de profissionais da Suzano e do Senai. Foto: Divulgação

O curso foi destinado exclusivamente para moradores de comunidades rurais de São Mateus e Conceição da Barra

O Programa Cultivar, desenvolvido pela Suzano e realizado em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), realizou na última quarta-feira, dia 20, a formatura de 20 Operadores(as) de Máquinas Florestais de Colheita, todos residentes de comunidades rurais de São Mateus e Conceição da Barra, no Norte do Espírito Santo. O evento ocorreu no auditório da Suzano Mucuri (BA).

De acordo com a analista de Desenvolvimento de Pessoas da Suzano, Gabriela Letícia Ramos Carvalho, além de capacitar moradores de regiões de atuação da empresa, o programa também tem o objetivo de contribuir com a geração de renda local. Com a formação, os participantes serão cadastrados no Banco de Talentos da empresa e convocados para participar dos futuros processos seletivos, conforme disponibilidade de vagas.

O curso contou com 50% das vagas reservadas para mulheres. A formanda Nicole Santos Pereira, moradora de Córrego Grande, em São Mateus, não contia as lágrimas de emoção durante a cerimônia. "Quase todos os homens da minha família trabalharam com operação de tratores e máquinas pesadas, desde o meu avô, até meu pai e tios. Agora eu vou ser a primeira mulher da família a exercer essa função, que sempre foi muito masculina, mas que está mudando. Hoje já temos várias mulheres operadoras, e eu fico feliz por ser mais uma", comemora.

Já o formando Denielson de Oliveira, morador da comunidade Nova Vista, também em São Mateus, conta que o curso surgiu no momento em que ele buscava novas oportunidade de trabalho. "Eu atuava como instalador de ar-condicionado, mas buscava uma chance em alguma grande empresa. Foi quando a minha esposa ficou sabendo do curso e me inscreveu. Tive a grata surpresa de ser aprovado na seleção, com tantos inscritos, e fiquei bastante feliz porque sempre sonhei em trabalhar na área".

Durante a evento, os formandos tiveram um momento para interagir, tirar dúvidas e conhecer gerentes, coordenadores e grandes profissionais da Suzano, que contaram sobre suas funções e histórias dentro da empresa. Houve ainda um passeio pelos setores da unidade fabril de Mucuri, onde os formandos conheceram de perto todo o processo de fabricação da celulose.

Durante o curso, os(as) participantes receberam bolsa-auxílio mensal, transporte e alimentação (durante a fase prática), além de Equipamentos de Proteção Individual (EPI's), seguro de vida e uniforme. Foram contemplados moradores das comunidades Córrego da Contenda, Córrego do Chiado, Dilô Barbosa, Morro da Arara, Nova Vista, São Domingos de Itauninhas, São Jorge e Santa Maria, em São Mateus. Já em Conceição da Barra, foram beneficiadas as comunidades de Córrego do Alexandre, Córrego Grande, Coxi, Linharinho, Morro da Onça, Roda D'Água, São Domingos (eixo de Bahia e Manoel Pinheiros) e Santana.

O Técnico de Desenvolvimento Operacional da Suzano, Pablo Roberto Soares da Silva, ressalta que o Programa Cultivar tem o objetivo de promover o desenvolvimento social contínuo em comunidades dos cinco estados onde a empresa mantém operações (ES, BA, MG, SP e MS). Somente no Espírito Santo, Bahia e Minas Gerais, o programa formou mais de 400 pessoas nos últimos três anos, focado nas áreas de colheita florestal e mecânica.

"Nós cultivamos a diversidade em nossa empresa, então é gratificante ver tantas mulheres e pessoas em situação de vulnerabilidade social, se formarem e terem a oportunidade de mudar a própria realidade e de suas famílias", ressalta Pablo.